quinta-feira, 1 de maio de 2008

Caminhos

Noite passada tive uma conversa muito séria com a Márcia.
Tanto ela quanto eu somos muito sensíveis as coisas ocultas.
Está acontecendo uma coisa muito séria e ela sabe disso tão bem quanto eu, mas sozinha não tem forças para lutar.
O destino da minha esposa está seguindo por um caminho sem volta. E já faz algum tempo que isso vem acontecendo. Uma sombra se aproxima, e o tempo está passando.
Conversamos muito sobre a vida, sobre as coisas e principalmente sobre o que vêm acontecendo.
Acontece que eu não tenho mais o que ensinar para minha querida esposa. Fazem mais de cinco anos que estamos juntos, e nesse tempo todo eu ensinei (e aprendi) tudo o que tinha para ensinar.
Nossa conversa ontem foi sobre isso. Não tinha nenhuma novidade para contar à ela, pois, ela vê as coisas tão bem quanto eu. Esse foi exatamente o motivo de nossa conversa. Eu sempre estarei ao seu lado, sempre poderá contar comigo para todas as coisas. Nunca deixarei que ela enfrente um único problema sozinha, nunca. Mas, dessa vez, ela é quem terá de enfrentar essa batalha e mudar seu destino.
Se continuar assim, ela não terá mais muito tempo conosco...
Já tem um tempo que eu parei de protegê-la totalmente, parei de acobertar e de ser conivente com suas decisões erradas.
Há algum tempo eu tenho ameaçado, dizendo que não estou disposto a ficar mais ao seu lado caso não mude de atitude, mas não foi o suficiente.
A Márcia mudou muito, desde que nos mudamos para a casa nova, agora ela é uma pessoa e esposa infinitamente melhor, porém, ainda faltam algumas coisas para mudar.
Ela sabe disso, sabe tudo o que tem para saber, inclusive sabe que sempre poderá contar comigo, independente do que aconteça. Mas infelizmente, nessa batalha, eu não posso mais intervir. Não está nas minhas mãos. Eu fiz o que devia ser feito, cumpri minha missão de prepará-la para isso, mas a hora é chegada, e agora é sua deixa.

Força amor, você pode vencer mais esse desafio. Faz isso pela sua família que te ama muito...
Postar um comentário

Mais metas para o futuro

Estou num momento muito bom e confortável da minha carreira. Depois de décadas trabalhando com desenvolvimento de softwares posso dizer que...