Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2009

Ao meu filho com amor

Imagem
Essa noite eu fiquei um bom tempo te olhando enquanto você dormia.Me perdi nos meus pensamentos admirando os detalhes do seu rosto, tão tranquilo, tão cansado de brincar o dia inteiro com a vovó. Me lembrei do começo. Você sempre foi amado. Você chegou em um momento muito especial, o seu momento. Você gerado com muito amor. Sua mãe e eu estávamos completamente apaixonados e desse amor nasceu um fruto muito especial, você! Me lembro da alegria ao ver o resultado dos exames, anunciando sua chegada. Você foi amado e desejado desde o primeiro instante. A semente germinou e foi crescendo e crescendo, sempre lindo, sempre forte e saudável, sempre perfeito. Você transformou o menino em homem e sempre trouxe alegria e felicidade aonde estivesse. Conquistou a todos com seu jeito, sua simpatia, seu sorriso. Nunca se esqueça, eu sou seu pai e sempre vou te amar e proteger incondicionalmente. Tudo o que eu fiz, desde a sua concepção, foi pensando em você. Você é a pessoa mais especial do mundo pra mim. …

Chaves perdidas

Imagem
Na última terça-feira, quando eu estava me preparando para sair do escritório, passei a mão pelo bolso para verificar as chaves e senti um calafrio: As chaves do carro não estavam no meu bolso! Tenho essa mania de sempre verificar as chaves, porque em meu coração eu sentia que um dai as perderia, e esse dia chegou. Vasculhei todo o escritório, revirei minha mesa, liguei para o meu sócio para saber se ele não havia levado minhas chaves por engano, procurei no banheiro, e nada! Fui até o carro e fiquei procurando pela calçada, embaixo do carro, na vala, e nada de chaves. Foi então que tive uma visão. Eu 'vi' as chaves no chão e 'vi' que alguém as pegava. No mesmo instante eu despertei do transe e então meu desespero aumentou de modo que eu comecei a transpirar. De tudo o que poderia ter acontecido, alguém tê-las levado era o pior que poderia ter acontecido! Então, por desespero, eu re-vasculhei todo o escritório e voltei para o banheiro. Me deu vontade de chorar, então eu reze…

Nosso quarto

Imagem
Essa noite, depois do trabalho, eu fui buscar a Márcia e a Dona Valdira lá em São Miguel. Elas passaram dois dias fora para o enterro de um sobrinho lá dela.Eu saí tarde do escritório, a viagem é longa e ainda por cima tivemos muita dificuldade para chegar em casa, porque a chuva fraca que caiu nos últimos dias estragou completamente todos os caminhos que levam à chácara. Mas depois de 4 tentativas frustadas, eu finalmente consegui chegar em casa, e senti um enorme alívio por ver que o Vinicius estava dormindo. Não me entendam mal, meu único motivo de alívio foi por saber que assim ele iria passar a noite comigo, em casa. E dormiu.
Então eu fiquei até tarde conversando com meus pais, enquanto eles finalizam o trabalho deles, e por volta da meia-noite o Vinicius levantou, nem abriu os olhos, e foi lá me chamar pra ir durmir 'no nosso quarto'. Resultado: Só essa noite eu levantei duas vezes pra fazer mamadeira. Estava com saudades disso!