Um pouco mais do mesmo

Atualmente estou trabalhando em uma grande empresa na zona sul da cidade de São Paulo. Entre outras coisas, isso significa que eu utilizo cerca de 5 horas dos meus dias nas viagens de ida e volta para o trabalho.
Para que esse tempo precioso não seja desperdiçado completamente, eu tenho sempre algum podcast para ouvir no carro, e algumas vezes ouço músicas, para me manter atualizado. Além de dedicar um bom tempo para minhas reflexões intermináveis também.

Me chateia um pouco o fato do meu carro não ter ar-condicionado, e eu não tenho planos para trocar de carro por enquanto, já que estou dedicando a maior parte dos meus recursos para a construção da casa nova.

Tenho investido boa parte do meu dinheiro e do meu tempo nos finais-de-semana na construção, mas adoro essa parte. Afinal, além de estar construindo algo que vai durar muitas décadas, é um tempo muito importante que eu tenho para conviver com meu pai.
Não sei se ele entende que o motivo de eu fazer questão de participarmos da construção é termos esse tempo juntos, mas o importante é que o temos.

Vinicius tem sido um bom aluno esse ano. Coisa que ele não fazia desde os primeiros anos na escola. E tem se mostrado um garoto muito inteligente e bom. Apesar de ainda ter alguns problemas de comportamento. Nada que prejudique sua personalidade maravilhosa.

Desde que Ângela e Victor voltaram da Bahia, temos convivido muito bem. Victor está mais apegado a mim do que nunca. É muito gostoso quando eu chego e ele vem correndo pular no meu colo gritando "Papai".
Ângela voltou muito mais tranquila também. E temos tido bons dias de paz e felicidade juntos.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Lobo rosnando - Desenho à lápis

Educação financeira - Aposentadoria tranquila