quinta-feira, 10 de julho de 2008

Sem grana pra ir embora

Estou completamente desesperado. São 20:00, estou no trabalho, meu salário (que já devia ter caído na minha conta) ainda não caiu, e o carro não tem gasolina o suficiente para chegar em casa.
Pra completar todo mundo já foi embora.
Não tenho nem um Real no bolso e nem em nenhuma conta. Só o que eu tenho é o talão de cheques, mas eu sei o quanto é difícil um posto de gasolina aceitar cheques hoje em dia.
Não sei o que fazer já que ninguém pode me ajudar nesse momento.
Postar um comentário

Entrando em forma

Nunca fui um atleta. Sempre fui uma pessoa que usa muito mais a mente do que o corpo. Desde os tempos de escola que nunca me dei muito com...