terça-feira, 1 de julho de 2008

Manhã de sorte (?)

Nesta manhã, meu pai passou em casa logo cedo pra me emprestar uma grana pra eu poder ir trabalhar. O Arnaldo veio com ele, para aproveitar e pagar uma carona comigo até a estação Tietê.
Até a estação o percurso foi tranquilo, e o fato que me leva a escrever sobre esta manhã aqui é o aconteceu quando eu saí da marginal para deixar o Arnaldo.
Assim que saímos da marginal, o carro, sem aviso prévio, simplesmente deixou de funcionar. Eu tentei ligar de novo e nada. Então abri a porta e pedi pro Arnaldo assumir a direção enquanto eu empurrava pro acostamento. Acabou a gasolina, mas por sorte paramos bem ao lado de um posto de gasolina.
Enquanto eu fui buscar a gasolina o Arnaldo ficou no carro, e daí pra frente as coisas correram sem novidades.
O que me levou a chamar esse post de 'Manhã de sorte' é porqeu, se eu estivesse sozinho as coisas seriam bem piores. E se tivesse parado na marginal, as coisas seriam aincalculavelmente piores.
Postar um comentário

Mesago.me

Eu estava pensando nessa necessidade que temos de nos comunicar, e em como isso se tornou mais simples com a tecnologia. Contudo, apesar da...